O recado foi dado logo na entrada em campo: o Real já garantiu o título espanhol e está na final da Liga dos Campeões da Uefa, mas o Atlético de Madrid não estava ali para aplaudir os feitos do rival. Sem fazer o tradicional "pasillo", a saudação aos campeões no jogo posterior à conquista, o Atlético de Madrid levou o clima de rivalidade para os 90 minutos e, com muita determinação em cada lance, venceu o clássico no estádio Metropolitano por 1 a 0, gol de pênalti de Carrasco, pela 35ª rodada do Espanhol.