Suspende, libera, adia, publica decreto, anula decreto... O sábado foi movimentado para as discussões sobre o futuro do Campeonato Carioca. No centro do debate: Marcelo Crivella. Neste domingo, o prefeito inaugurou uma obra no Pólo Comunitário de Campo Grande, explicou a decisão, mas o impasse continua.

Dependendo de aprovação de protocolos pela Vigilância Sanitária, Crivella afirmou que não poderá haver jogos de segunda até quarta-feira. Porém, como há jogos marcados para quarta, ele falou em "compatibilizar protocolos" ao ser questionado.

Crivella afirmou que o decreto não precisará ser ajustado, porque a validade é no primeiro dia útil, a partir desta segunda-feira, quando as duas equipes, da Vigilância Sanitária municipal e da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) já estarão em reunião para compatibilizar os protocolos.